CONQUISTAR UM SONHO DE CURSAR MEDICINA VETERINÁRIA E SE DAR CONTA QUE, DEVIDO AS PRESSÕES, VOCÊ ESTÁ PASSANDO POR SÍNDROMES DE ESGOTAMENTO DA PROFISSÃO É DEVASTADOR.

Lidar com uma nova vida, a de estudante universitário, não é tarefa fácil para a maioria das pessoas. Pressões de provas e as responsabilidades de se morar sozinho pode despedaçar o sonho de se tornar médica veterinária. Para quem já se formou pode ser ainda mais devastador. Pressões dos tutores cada dia mais esclarecidos e exigentes, tanto na prática em clínicas particulares, como em residências, levam a síndromes de esgotamento profissional muito estudadas hoje em dia.

O burnout é uma delas, e é uma síndrome definida por três facetas: exaustão emocional, despersonalização e baixa realização pessoal.

Exaustão emocional resulta do uso de si mesmo como uma ferramenta na solução dos problemas do cliente. O estado de exaustão emocional leva à capacidade diminuída de se conectar com os clientes em um nível emocional.

Link: https://cdn.pixabay.com/photo/2016/12/17/05/45/dog-1912874_960_720.jpg

A despersonalização é melhor descrita como a desumanização de clientes – quando nossas atitudes em relação a elas e nossa percepção delas são cínicas e insensíveis.

A despersonalização tende a se desenvolver paralelamente ou em consequência do esgotamento emocional.

Por fim, a realização pessoal reduzida é a crença de que o trabalho de alguém não tem um impacto positivo ou não tem significado.

ENTÃO, O QUE É QUE DEIXA MUITOS VETERINÁRIOS “ANSIOSOS” NO TRABALHO E EM CASA?

Muitas vezes, a fonte é externa. O estresse das pressões organizacionais e / ou um ambiente de trabalho difícil pode se manifestar em sintomas emocionais ou físicos – raiva, tristeza, falta de concentração, incapacidade de dormir.

O estresse crônico tem sido culpado pelo ganho de peso, porque o estresse produz cortisol e concentrações elevadas de cortisol podem promover o armazenamento de gordura no abdômen profundo.

Isso pode ser muito frequente logo no início da profissão veterinária, como nos programas de residência veterinária, que possui uma carga horária elevada e grande pressão.

O problema também pode derivar de dentro – da própria natureza de ser uma pessoa interessada em uma profissão de cuidado.

A Dra. Lisa Miller, ex-presidente do Comitê de Bem-Estar da AVMA e membro do corpo docente do Atlantic Veterinary College, da University of Prince Edward Island, observa que existe até um nome para o problema de cuidar dos outros à custa de si mesmo: “fadiga da compaixão”. ”

FADIGA DE COMPAIXÃO

Fadiga de compaixão resulta quando um indivíduo está esgotado de recursos emocionais internos. Pessoas em profissões de cuidado, especialmente aquelas que trabalham em situações de emergência, podem ser vulneráveis.

Link: https://cdn.pixabay.com/photo/2015/06/15/06/26/veterinarian-809930_960_720.jpg

“Por causa da natureza carinhosa de nosso campo, alguns de nós praticam nossa empatia ao extremo, em detrimento de nós mesmos”, diz o Dr. Miller. “Se não enchermos nosso ‘balde de empatia’ de vez em quando, acabamos”.

ESCLARECENDO

Ao contrário do burnout, a fadiga da compaixão não é situacional. É trazido em resposta aos pacientes e / ou clientes. Tirar folga ou encontrar um novo hospital para trabalhar não vai curar a fadiga da compaixão com a qual você pode estar sofrendo.

A melhor maneira de combatê-lo é abordar a questão de frente e, muitas vezes, isso significa pedir ajuda. Os assistentes sociais veterinários e os profissionais de saúde mental podem ajudar a aliviar muitos dos sintomas da fadiga da compaixão e iniciar o caminho para a recuperação.

Fadiga de burnout e compaixão pode afetar todos nós de maneiras diferentes e encontrar o remédio às vezes pode parecer impossível.

Link: https://cdn.pixabay.com/photo/2015/04/25/16/16/veterinarians-739365_960_720.jpg

Alcançar os outros pode ajudar; falar sobre as maneiras pelas quais superamos esses obstáculos pode ser esclarecedor para os profissionais veterinários que estão reconhecendo que são afetados.

O primeiro passo bem-sucedido no combate ao esgotamento e fadiga da compaixão, no entanto, é aprender as ferramentas para evitá-lo.

Tire um tempo todos os dias para sair da sua cabeça e ter um momento de paz.

Mantenha uma linha aberta de comunicação com seus colegas de trabalho para que o estresse não se acumule. Se não estiver satisfeito com as suas condições de trabalho atuais, altere-as e encontre um novo emprego.

Descanse bastante, não se esqueça de tirar uma folga regularmente e encontrar um equilíbrio saudável entre trabalho e vida.

Você deseja realizar a prova da residência? Venha se preprarar conosco!!

5 dicas para você arrasar na entrevista

A prova escrita que você está se preparando é apenas uma das etapas do processo seletivo dos programas de Residência e Aprimoramento. Após esta etapa classificatória, os candidatos são submetidos à entrevista de uma banca de professores, geralmente composta por docentes que serão seus preceptores na área escolhida.

O foco principal da entrevista será o seu curriculum, mas perguntas pessoais e outras questões serão pontuadas para te colocar em momentos de tensão.

Preparamos algumas dicas para você:

TENHA POSTURA

Você estará sendo avaliado desde o primeiro contato com a banca entrevistadora. Manter a postura concisa, cumprimentando a todos e mantendo o contato visual pode mostrar um candidato seguro do que quer.

CONHEÇA A ESPECIALIDADE E A FACULDADE ESCOLHIDA

Você será muito questionado sobre o que o levou a escolher aquela especialidade a que está concorrendo. Tenha repostas precisa. Evite colocações apaixonadas como “sempre sonhei em ser um anestesista”. Prefira resposta profissionais. Pode ocorrer ainda perguntas teóricas sobre a especialidade. Quando questionado sobre a escolha da faculdade discorra sobre a importância que a escola e seus corpo clinico representa.

POR QUE DEVEMOS ESCOLHER VOCÊ?

Você certamente será questionado dessa forma, muitas vezes de maneira direta, outras indiretamente. Relate seus pontos forte e não esqueças dos pontos fracos. Você é humano e possui defeitos, não os esconda.

SEJA PONTUAL E CUIDE DA SUA APRESENTAÇÃO PESSOAL
Chegar atrasado em um momento tão importante como esse não pode ocorrer, não é mesmo? Porém, isso pode acontecer. Chegue em média 15 minutos antes do horário programado e se preocupe com tua apresentação. De preferencia a trajes mais formais. Você não precisa estar de terno e gravata, mas também não é legal usar roupa de ginastica, por exemplo.

POR QUE VOCÊ ESTÁ OPTANTO PELA RESIDÊNCIA E NÃO OUTRA MODALIDADE DE PÓS GRADUAÇÃO COMO O MESTRADO, POR EXEMPLO?

Essa pregunta geralmente ocorre. Analise antecipadamente os prós e os contras de cada modalidade e reúna o máximo de informações sobre cada um deles. Com o conhecimento de cada modalidade, é na entrevista que você poderá explicar a  banca o porque de sua opção.

Tendo isso em mente, fique tranquilo e responda as perguntas com sinceridade. Afinal, você está ali porque viu alguma vantagem naquele programa, e se preparou muito bem para este dia!

EAD: uma nova forma de preparação para concursos públicos

Com o advento da internet, uma das formas mais usadas por candidatos à concursos públicos para estudar é assistir a videoaulas de cursos online. Entre as vantagens dessa modalidade de ensino estão os custos menores do que um curso convencional, economia de tempo, já que o aluno não precisa se deslocar para outro local e, principalmente, acesso a aulas ministradas por bons professores de outras cidades.

Veja algumas vantagens:

  • Costumam ser mais baratas que os cursos presenciais.
  • Não exigem que você saia de sua casa para estudar.
  • Podem ser acessadas a qualquer hora ou dia, de acordo com o seu cronograma de estudos.
  • Geralmente você não perde aulas caso tenha compromissos no dia/hora do curso.
  • Basta ter um computador conectado à internet para acessar o conteúdo.

Apesar disso, é preciso tomar alguns cuidados. O primeiro aspecto é a concentração. Concentrar-se significa valorizar alguns estímulos em detrimento de outros.

Ao assistir uma aula na web, você tem um mundo aberto a você. Não abra sites paralelos ao portal de estudos. Porém, nenhuma outra dica é mais valiosa que o controle ao telefone celular, esse grande responsável pela distração em nossa época. Notificações de aplicativos como o WhatsApp, ligações e até aquela mania de olhar quem curtiu sua foto no Instagram são bastante prejudiciais quando você está tentando focar em algo. Se puder, desligue o seu celular e deixe-o bem longe de você.

Outro cuidado importante consiste na autogestão: aja como se estivesse fazendo um curso presencial. Nesse sentido, é muito importante que você faça um cronograma com dias e horários fixos para assistir suas videoaulas. Não espere a vontade de assistir aula aparecer para estudar. Comece a estudar independentemente do que estiver sentindo, e você se transportará para a sensação de produtividade e dever cumprido. Use fones de ouvido e se isole do mundo exterior, prestando mais atenção à aula.

Ter um roteiro impresso da aula é muito importante, para que você possa acompanhar e fazer anotações para posterior consulta.

Aproveite a possibilidade atual de se preparar de forma on-line. Com dedicação e disciplina, os cursos em sistema EAD vão te auxiliar grandemente a atingir seu objetivo!

5 dicas para você focar no estudo para a prova de residência

Passar na Residência, assim como entrar na universidade, vem se tornando essencial para atingirmos uma carreira profissional consistente. E, para atingirmos esse objetivo, tempo, dedicação e muitas outras coisas têm que estar na pauta. Pensando nisso, preparamos 5 dicas que podem te ajudar a se preparar para a prova da sua vida!

1. FAÇA DA SUA ESCOLHA UM OBJETIVO

Se quiser passar no vestibular, você deve transformá-lo no seu maior objetivo no momento. Focar nos estudos, é a única maneira de você alcança-lo. Portanto, planeje a sua preparação de maneira antecipada. Use meses anteriores ao concurso, e não dias. Se preparar gradualmente durante todo o ano vai fazer a diferença.

2. SUA FAMILIA DEVE SER O SEU APOIO

O seu estudo depende da compreensão e apoio daqueles que o rodeiam. Quando você passar, todos que vivem com você terão a satisfação de ter um aprovado dentro do lar. Convença-os disso e de que precisa conseguir o máximo de tempo para estudar. A aprovação deve ser uma meta e uma conquista da família. O carinho dos pais e do(a) namorado(a) conforta e diminui o estresse.

3. ABRA MÃO DE ALGUMAS ATIVIDADES
Agora é uma hora de foco em seu objetivo. Não adianta pular de galho em galho. Se seu objetivo é a aprovação, você não irá conseguir se dedicar aos estudos fazendo varias atividades em paralelo. Muitas vezes são necessárias escolhas, e sacrificar algumas atividades, como por exemplo estágios ou trabalhos paralelos.

4. TENHA PACIÊNCIA E PERSEVERANÇA
Somos ansiosos por natureza. Alguns mais, outros menos. As coisas quase nunca acontecem na velocidade de desejamos. Assim, para manter seu foco, enfrente com paciência as adversidades que possam surgir. Ter paciência e perseverança, com certeza irão te levar ao caminho que deseja.

5. INVISTA NA SUA PREPARAÇÃO
Com a crescente procura dos graduados pela residência, a concorrência cresceu exponencialmente. Porém, ainda não é habito na medicina veterinária buscar auxílio em cursos preparatórios ou livros sobre o assunto, como acontece na medicina humana. É provado em estudo cientifico, que um candidato que se preparou com cursos preparatórios, tem uma nota 4 vezes maior do candidato que não cursou. Buscar esse auxílio pode te direcionar de maneira importante a realmente o que estudar, trazendo uma grande revisão sobre a matéria além de te dar diversas dicas.

Guia de Programas de Residência em Medicina Veterinária 2020


Guia de Programas de Residência em Medicina Veterinária 2020

Ebook desenvolvido especialmente para você que pretende prestar prova de residência e quer manter-se atualizado.

  • Lista com principais programas de residência, credenciados ao CFMV
  • Programas separados por estados e cidades
  • Links para os sites dos programas
  • Datas dos últimos concursos
  • Número de vagas por área que cada programa oferece

Para fazer o download gratuito, basta preencher o formulário abaixo com suas informações. Após a submissão do formulário, aparecerá o link de download do ebook. Simples assim!

Qual a diferença entre a residência do MEC e os programas de aperfeiçoamento?

Os Programas de Residência e de Aprimoramento Profissional em Medicina Veterinária são ambos cursos de pós-graduação em regime lato sensu, devendo ser regidos segundo a legislação vigente. Os Programas devem ter reconhecimento Institucional, sendo este representado por documento que comprove sua aprovação junto ao Conselho de Ensino […]

Continue reading